Jeff Mills, Laurent Garnier, Hardfloor, Chris Liebing, KinK e Rødhåd são alguns dos nomes internacionais fechados para a próxima edição do NEOPOP. Neste segundo lote de confirmações para o festival de Viana do Castelo, estão ainda nomes nacionais, como o veterano Rui Vargas e os nortenhos Sensible Soccers.

Amato & Adriani, Colin Benders, Héctor Oaks, Tale of Us e Wata Igarashi figuram igualmente no cartaz do evento, que conta agora com mais de três dezenas de confirmações, incluindo Richie Hawtin, Maceo Plex, John Digweed, Amelie Lens e Underworld, e vários outros previamente anunciados.

No que toca às parcerias, depois de vários anos a assegurar a curadoria do palco principal, a Red Bull Music leva agora um laboratório musical ao Teatro Sá de Miranda, que terá programação inédita nas noites de 9 e 10 de agosto.

O NEOPOP é dos festivais de música electrónica mais antigos de Portugal, com edições anuais há 15 anos. Além de brilhar pela música, tem também um impacto directo e significativo na economia da região – sendo estimado que no ano passado tenha atingido os 3,72 milhões de euros. Para lá do impacto económico, os laços com a comunidade local estão também presentes na cedência de parte das receitas para a Associação de Paralisia Cerebral de Viana do Castelo e a Associação de Amigos do Autismo, na cidade minhota.

A edição de 2019 do NEOPOP está marcada para 7 a 11 de Agosto, no sítio do costume, em Viana do Castelo, onde os amantes do techno terão direito a cartaz de luxo.

Rute Correia